LACEN CONFIRMA DOIS CASOS DE RAIVA BOVINA NA PENÍNSULA DE MARAÚ

0 219

A Prefeitura Municipal de Maraú, através da Secretaria de Saúde vem informar que no dia 03 de maio de 2024 recebeu do LACEN/BA duas amostras positivas para raiva em bovinos provenientes de um sítio da península. O caso estava em investigação desde o dia 17 de abril, quando a Equipe da Secretaria de Saúde foi informada pelo criador dos animais que os mesmos haviam sido mordidos por morcegos e apresentavam até então sintomas sugestivos de raiva.

Desde então, todo protocolo de investigação / notificação e coleta de material para analise foi seguido rigorosamente em parceria com o Núcleo Regional Sul de Saúde e ADAB (Agencia de Defesa Agropecuária da Bahia).

A raiva bovina é uma doença infecciosa causada por um vírus da família Rabdovírus. Caracterizada por lesões do sistema nervoso central, pode provocar convulsões, tetania e paralisia respiratória; hidrofobia. Essa infecção é viral e na maioria dos casos fatal, gerando prejuízos aos produtores.

O principal agente transmissor da doença em bovinos são os morcegos hematófagos. A fonte de infecção sempre é um animal infectado, sendo que o método de transmissão mais comum é a mordida de um animal portador do vírus.  É muito importante que os produtores e pessoas envolvidas na criação do rebanho leiteiro evitem contato com a saliva e fezes dos animais infectados, pois a doença, como já citado, trata-se de uma zoonose, ou seja, é transmissível ao homem e não tem cura, levando a morte.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Skip to content
Este site tem o compromisso de garantir a acessibilidade digital para pessoas com deficiência. Estamos continuamente melhorando a experiência do usuário para todos e aplicando os padrões de acessibilidade relevantes.
Status de conformidade