Mais Médicos: Divulgada a lista de profissionais e municípios participantes

0 112

O Nordeste alcançou o maior número de municípios contemplados, enquanto o número de médicos brasileiros participantes superou a marca de 1.500 Foi divulgada, na última quarta-feira (14), a lista de profissionais estrangeiros e brasileiros que confirmaram a participação no Programa Mais Médicos. Ao todo, são 1.619 profissionais com inscrições validadas para atuar no País. Entre os municípios, serão 579 contemplados e 18 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DEIs). Também foi apresentado o novo calendário do programa, com detalhes para o início das atividades dos selecionados e a próxima etapa de inscrição. Nesta primeira fase de inscrição, o Mais Médicos registrou que, do total de confirmação de participação, 1.096 (68%) médicos têm registro profissional no Brasil, 522 (32%) médicos são estrangeiros que registraram homologação no programa e 164 são brasileiros que se formaram em outros países. Dos municípios que receberão os profissionais inscritos no Mais Médicos, 310 se encontram em situação de vulnerabilidade social. “O que nos move é levar médicos a quem precisa e vamos usar todas as medidas legais para isso”, destacou o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. O Nordeste alcançou o maior número de municípios contemplados, com 261 cidades solicitadas pelos médicos do programa. Em seguida, São Paulo e Rio Grande do Sul foram os estados com maior número de cidades participantes. Cronograma de participação De acordo com o ministro, em 1º de outubro, todos os profissionais devem chegar aos municípios. Entre 23 a 25 de agosto os médicos estrangeiros chegarão ao Brasil para começar as atividades e participarem, inicialmente, de um curso de acolhimento. Estes, serão alocados em oito capitais do País para realizarem, em universidades federais, treinamento durante três semanas. Em 16 de agosto, será lançado novo edital para a segunda seleção do Programa Mais Médicos. No dia 19 de agosto serão abertas por um mês, as inscrições para os municípios e médicos se inscreverem no programa, este período é uma nova oportunidade de participação e será reaberto apenas no final do ano. Mais Médicos Lançado pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, no dia 8 de julho, o Mais Médicos faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), com objetivo de acelerar os investimentos em infraestrutura nos hospitais e unidades de saúde e ampliar o número de médicos nas regiões carentes do País, como os municípios do interior e as periferias das grandes cidades. Os médicos do programa receberão bolsa federal de R$ 10 mil, paga pelo Ministério da Saúde, mais ajuda de custo, e farão especialização em Atenção Básica durante os três anos do programa. O governo federal está investindo, até 2014, R$ 15 bilhões na expansão e na melhoria da rede pública de saúde de todo o Brasil. Deste montante, R$ 7,4 bilhões já estão contratados para construção de 818 hospitais, 601 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24h) e de 16 mil unidades básicas. Outros R$ 5,5 bilhões serão usados na construção, reforma e ampliação desses estabelecimentos e saúde, além de R$ 2 bilhões para 14 hospitais universitários. (Fonte: Portal Brasil)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Complete a matemática para poder acessar *