Ibama discute questão ambiental de perfuração marítima de bloco na bacia Camamu-Almada

0 109

Encontra-se na Biblioteca da Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC, a disposição dos interessados, para consulta e análise, cópia do Estudo Ambiental de Perfuração – EAP e o Relatório de Impacto Ambiental de Perfuração – RIAP de bloco BM-CAL-13, Bacia de Camamu-Almada, pleiteado pela empresa BP Energy Brasil.
A iniciativa é do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – Ibama que está conduzindo o processo de licenciamento ambiental da atividade de perfuração marítima no bloco BM-CAL-13, Bacia de Camamu-Almada, pleiteado pela empresa BP Energy Brasil.

Devido à sensibilidade ambiental da área proposta para o projeto o Ibama adotou os procedimentos preconizados nas Resoluções e Portarias no que se refere a elaboração de Estudo Ambiental de Perfuração EAP e o respectivo Relatório de Impacto Ambiental de Perfuração – RIAP, para condução do licenciamento ambiental.

De acordo com os editais da Diretoria de Licenciamento Ambiental do Ibama, publicados no “Diário Oficial” da União (DOU), a reunião pública para discussão do EAP e respectivo Relatório de Riap da atividade de perfuração marítima no Bloco BM-CAL-13, Bacia de Camamu – Almada, está marcada para o dia 20 de julho, em Ilhéus (BA).
Fonte:UPB

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Complete a matemática para poder acessar *