Helicóptero de Dilma falha pela segunda vez em menos de uma semana

0 90

Pela segunda vez em um intervalo de seis dias, um helicóptero que transportaria a presidente Dilma Rousseff sofreu pane elétrica e não pode decolar. A líder nacional seguiria para a Base Aérea, de onde iria para o Rio Grande do Norte, onde cumpre agenda nesta quarta-feira (2), mas teve de fazer o deslocamento de carro. A Força Aérea Brasileira (FAB) ainda não informou qual dos helicópteros era utilizado. Na última quinta-feira (26), outra falha elétrica frustrou a decolagem do modelo H 34 (Super Puma), com a presidente a bordo. A aeronave foi consertada no pátio do Palácio da Alvorada. A promessa do Planalto em 2012 era de que no segundo semestre deste ano a presidente não usaria mais helicópteros Super Puma. A previsão era de que as aeronaves usadas em Brasília seriam trocadas pelo modelo EC-725. O primeiro foi entregue em julho do ano passado e o segundo deveria ter sido entregue no meio de 2013. (Bahia Noticias).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Complete a matemática para poder acessar *