Dentro de quatro dias, conta de luz fica salgada para o mês de janeiro

0 97
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Dentro de quatro dias, os brasileiros de energia elétrica terão um acréscimo a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos na conta de energia. Isso porque passa a vigorar as bandeiras tarifárias em 2015, estreando o sistema logo com a sinalização vermelha que indica o máximo do acréscimo. Os estados do Amazonas, Amapá e Roraima são os únicos que ficam em exceção. Pelo sistema de bandeiras tarifárias, as cores verde, amarela e vermelha indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração de eletricidade, para os quatro subsistemas do Sistema Interligado Nacional (SIN). Assim, o consumidor poderá identificar qual bandeira do mês e reagir a essa sinalização com o uso inteligente da energia elétrica, sem desperdício. Caso o mês tenha a cor verde, há condições favoráveis de geração de energia e a tarifa não sofre nenhum acréscimo. Na bandeira amarela, as condições de geração menos favoráveis e a tarifa sofre acréscimo de R$ 1,50 para cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Já no vermelho, as condições são mais custosas de geração e a tarifa sofre acréscimo de R$ 3 para cada 100 kWh consumidos. A próxima mudança da bandeira tarifária, que irá vigorar no mês de fevereiro, será divulgada no dia 30 de janeiro.

Fonte: Bahia Noticias

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Complete a matemática para poder acessar *